Home>Pós-graduação>MBA - Master of Business Administration>Santo André>MBA em Engenharia de Software - Santo André - São Paulo
 

MBA em Engenharia de Software

Método: Presencial
Locais Disponíveis:
Loading...

Solicite informação sem compromisso
Fundação Santo André

MBA em Engenharia de Software - Santo André - São Paulo

Nome
Sobrenome
E-mail
Telefone de Contato
DDD Ex: 14
 
 
 
 
Teléfono Fijo Ej: 24344444
 
 
 
 
Estado
Cidade
CPF
Para enviar a solicitaçao, você deve aceitar a política de privacidade
* Campos obrigatórios

Em breve um responsável da Fundação Santo André, entrará em contato contigo para mais informações.
Por favor, preencha todos os campos corretamente
Imagens - Fundação Santo André:
Foto Fundação Santo André Santo André São Paulo
Foto Fundação Santo André Santo André São Paulo
AnteriorAnterior
PróximaPróxima
Foto Fundação Santo André Brasil Centro
Foto Fundação Santo André São Paulo Brasil
Centro Fundação Santo André São Paulo Brasil
Foto Centro Fundação Santo André São Paulo
Fundação Santo André Santo André São Paulo Brasil
Foto Fundação Santo André Santo André São Paulo
Centro Fundação Santo André Santo André São Paulo
Foto Centro Fundação Santo André Santo André
Fundação Santo André Foto
Foto Fundação Santo André

Análise da Educaedu

Pablo Nieves
MBA em Engenharia de Software
  • Modalidade

    O MBA é realizado de modo presencial.

  • Duração

    A duração do curso é de 360 horas/aula.

  • Certificado Oficial

    O aluno receberá o diploma de MBA em Engenharia de Software.

  • Considerações

    Apresentar a terminologia, evolução e o estado dos processos de gestão e modelos de qualidade, com aplicação no desenvolvimento e manutenção de softwares. O curso ainda promove uma visão geral dos fatores críticos que interferem na gestão e na qualidade do desenvolvimento dos softwares, apresentando as principais ferramentas, técnicas e métodos atuais empregados para a gestão e para a qualidade dos projetos de produção, desenvolvimento e manutenção de softwares.




  • Preço do Curso

    Consultar.

  • Dirigido a

    O curso apresenta como público-alvo os engenheiros de computação, profissionais de sistemas de informação, tecnologia da informação e analista de sistemas.

  • Área de atuação

    O profissional poderá atuar no amplo campo da indústria de software, direta ou indiretamente relacionadas com o processo de elaboração e manutenção de softwares.

  • Salário estimado

    Um consultor de TI ganha em torno de R$ 5700.

MBA em Engenharia de Software - Santo André - São Paulo Comentários sobre MBA em Engenharia de Software - Santo André - São Paulo
Objetivos:
GERAIS: Apresentar a evolução, a terminologia e o estado da arte dos processos de Gestão e Modelos de qualidade aplicados ao desenvolvimento e manutenção de Softwares. Dar uma visão geral dos fatores críticos que afetam a Gestão e a qualidade do desenvolvimento de Software.

Apresentar as principais técnicas, métodos e ferramentas atuais usadas para a Gestão e a qualidade dos projetos de desenvolvimento e manutenção de Software.

Desenvolver estudos de casos baseados nos principais conceitos, técnicas e métodos apresentados.

Formar profissionais capacitados a gerenciar e definir a implementação de processos para fabricação e manutenção de software com uma ampla visão sobre os aspectos técnicos da engenharia de software e dos aspectos gerenciais relacionados a gestão e qualidade de projetos, assim como, possuir a percepção estratégica relativa ao alinhamento dos objetivos estratégicos de negócios com a Tecnologia.



ESPECÍFICOS:Capacitar o aluno sobre os processos e modelos relacionados a gestão e qualidade dos projetos de desenvolvimento e manutenção de software e da necessidade de adequação destes processos às características de negócios de cada organização, visando desenvolver e implementar o processo de produção/ aquisição/ terceirização de software adequado a cada organização.

Tornar nossos alunos egressos, profissionais capazes para enfrentarem os atuais desafios da construção e empregos dos “softwares” em um momento de grandes transformações tecnológicas, com todas as implicações, sociais, econômicas, políticas etc, delas decorrentes.

Preparar profissionais com conteúdos atualizados que propiciem competências para a definição e utilização de aplicações baseadas em computadores, visando a resolução de problemas através da modelagem e implementação de soluções informatizadas, especialmente para a gestão operacional e a tomada de decisões.
Dirigido a:
O curso tem como público-alvo profissionais da indústria de Software que estão direta ou indiretamente envolvidos no processo de construção e manutenção de softwares, E; profissionais podem deter conhecimentos sobre ferramentas e técnicas, mas buscam conhecimentos mais sistematizados sobre modelos e métodos para a construção e manutenção de programas computacionais, e; profissionais com experiência no processo de software e que buscam atualização nos processos de gestão e de software, e; profissionais que estão em cargos gerenciais (ou que necessitam se preparar para tais posições) e requerem conhecimentos de gestão dos processos, gestão de produção e qualidade, sustos e gerenciamento das tarefas de suporte e manutenção do, e; profissionais em postos de direção de negócios, que necessitam de conhecimentos específicos para a tomada de decisões associadas às tecnologias da informação e ao processo de produção de software.
Conteúdo:
ConteúdoDisciplina: METODOLOGIA DA PESQUISA
Carga Horária: 30 horas
Ementa: Disciplina embasada em teorias e práticas capazes de instrumentalizar o aluno para a compreensão e a identificação da importância do conhecimento científico para a elaboração de seus trabalhos acadêmicos, artigos, seminários, projetos de pesquisa, trabalhos de conclusão de curso e monografias, utilizando o discurso normativo do fazer científico através de métodos e técnicas regulamentares.
Disciplina: GERENCIAMENTO DE PROJETOS
Carga Horária: 30 horas
Ementa: Apresentar conceitos e práticas de Gerenciamento de Projetos do PMI (Project Management Institute) explicitando as nove áreas de conhecimento dando especial ênfase ao Gerenciamento de Escopo, Gerenciamento de Tempo e Gerenciamento de Custos. Apresentar noções da ferramenta MS Project e sua utilização na elaboração de cronogramas de projetos.

Disciplina: PROCESSO DE ESTIMATIVA E MÉTRICA DE SOFTWARE BASEADO EM ANÁLISE DE PONTOS DE FUNÇÃO
Carga Horária: 30 horas
Ementa: Ao final do programa o aluno deverá estar capacitado a:
Estimar o tamanho de um projeto de desenvolvimento ou manutenção, ou ainda o tamanho de um software já instalado, aplicando a técnica de Análise por Pontos de Função.
1 - Introdução à APF.
2 – Iniciando o Processo de Contagem.
3 – Funções de Dados.
4 – Funções de Transação
5 – Fator de Ajuste.
6 – Calculando Pontos de Função.
7 – Práticas de Contagem

Disciplina: GESTÃO ORGANIZACIONAL EM FÁBRICAS DE SOFTWARE
Carga Horária: 30 horas
Ementa: Esta disciplina tem como objetivo fornecer uma visão sobre o desenvolvimento e manutrenção de software no ambiente de Fábrica de Software.
Para tal, a disciplina apresenta os modelos e processos necessários à Fábrica.
Também é explorado o desenvolvimento dirigido por SLAs – Acordos de Nível de Serviço.
Ao final o aluno deverá estar capacitado a entender os processos operacionais, gerenciais e estratégicos de uma Fábrica de Software.
A seguir os tópicos abordados no curso:
1. Estrutura Organizacional de uma Fábrica de Software;
2. Modelos de Fábricas de Software
a. Fábrica de Projetos;
b. Fábrica de Programas;
c. Fábrica de Sustentação;
d. Fábrica de componentes
3. Componentes de uma Fábrica de Software
a. Processo de Gestão Estratégica;
b. Processos de Gestão de Projetos;
c. Processos de Gestão de Operações;
d. Processo de Gestão de Construção e;
e. Processo de Gestão de Suporte à Fábrica.
4. Desenvolvimento dirigido por SLAs – Acordos de Níveis de Serviços
a. O que é um SLA;
b. Tipos de SLA.

Disciplina: QUALIDADE DE SOFTWARE COM ÊNFASE NOS MODELOS CMMI, MPS.BR E ISO 9001 E 25000
Carga Horária: 30 horas
Ementa: Esta disciplina tem como objetivo propiciar aos alunos conhecimentos e práticas das técnicas para obtenção da qualidade nos processos de construção de software. Métricas de avaliação e metodologias para a gestão da qualidade aplicando-se os modelos CMMI, MPS.br e ISO 9001 e 25000.
A seguir os tópicos abordados no curso:
1. O Modelo CMMI
a. Estrutura do Modelo,
b. Modelo Estagiado e Modelo Continuado;
c. Estudo dos processos de Apoio;
d. Estudo dos processos de Gestão de Projetos;
e. Estudo dos processos de Gestão Organizacional;
f. Estudo dos processos de Gestão de Suporte
2. Compreendendo os processos do Nível 2 e 3;
3. Compreendendo os processos do Nível 4 e 5;
4. Avaliação dos processos com SCAMPI.
5.Entendo a estrutura do Modelo MPS.br;
6. Comparativo entre os Modelos MPS.br e CMMI;
7. Estudo das Normas ISO 9001 e 25000;

Disciplina: INTRODUÇÃO ENGENHARIA DE SOFTWARE
Carga Horária: 30 horas
Ementa: Esta disciplina visa ser introdutória ao curso, apresentando ao aluno as diversas facetas a serem estudas para a fabricação de um software em um ambiente controlado e definido. Os tópicos abordados serão:
1. Introdução à Engenharia de Software
2. Definição de Processo de Software;
3. Estudo dos Ciclos de Vida do desenvolvimento de software ;
4. Design e Arquitetura de Software
5. Gestão de Configuração de Software
6. Estudo de Modelos de processos formais – UniFy Process;
7. Estudo de Métodos Ágeis – XP, SCRUN,FDD
8. Manutenção e Evolução de Software.

Disciplina: INTRODUÇÃO A ENGENHARIA DE REQUISITOS C/ CASOS DE USO
Carga Horária: 30 horas
Ementa: Esta disciplina visa apresentar o processo de engenharia de requisitos, sua importância como chave do sucesso do projeto de software, apresentação e utilização de técnicas e ferramentas para identificar, analisar, especificar, validar e gerenciar requisitos de software, e capacitar os alunos na elaboração de um documento de requisitos de um software que será utilizado como estudo de caso durante o Curso.
A seguir tópicos da disciplina:
1. Definição de Requisitos; Requisitos do sistema e Requisitos de Software, Requisitos Funcionais e Não-Funcioanais;
2. O que são as regras de negócio; Tipos de regras de negócio;
3. Processo de Requisitos: Identificação, Análise, Especificação, Validação e Gerenciamento de Requisitos;
4. Como customizar e utilizar o Fluxo da disciplina de Requisitos do RUP;
5. Utilizando Casos de Uso para especificar e detalhar requisitos;

Disciplina: ARQUITETURA DE SOFTWARE
Carga Horária: 30 horas
Ementa: À medida que tamanho e complexidade dos sistemas de software aumentam, o problema do projeto extrapola as estruturas de dados e algoritmos da computação. Questões estruturais envolvem organização e estrutura geral de controle; protocolos de comunicação, sincronização; atribuição de funcionalidade a componentes de projeto; escalabilidade e desempenho; seleção de alternativas de projeto. Estas questões compreendem o projeto de software a nível arquitetural. Assim, torna-se cada vez mais evidente que processos de engenharia de software requerem projeto arquitetural de software
1. O que é Arquitetura de Software?
2. Modelos de Arquitetura de Software - Descrever tipos de modelos de arquitetura que podem ser usados, Explicar por quê múltiplos modelos são exigidos são exigidos para documentar uma arquitetura de software
a. Modelo estático da estrutura que mostra os principais componentes do sistema
b. Modelo dinâmico de processo que mostra a estrutura dos processos do sistema
c. Modelo de interface que define as interfaces entre os sub-sistemas
d. Modelo de relacionamentos, como um modelo defluxo de dados
3. Estilos Arquiteturais
4. O que é Projeto Arquitetural
5. Componentes de uma arquitetura
6. Desenvolvendo um Projeto Arquitetural - Apresentar o projeto arquitetural e discutir a sua importância
7. Linguagens de descrição de arquiteturas (ADLs).

Disciplina: TESTE DE SOFTWARE
Carga Horária: 30 horas
Ementa: Esta disciplina visa promover o domínio e a disseminação de conhecimentos técnico-científicos em Teste de Software. Assim, o curso apresenta conceitos básicos na área de teste de software, situando tal atividade no desenvolvimento de software e na avaliação do produto final. Posteriormente, são apresentadas as principais técnicas e estratégias de teste, com ênfases estrutural, funcional e baseada em erros. A seguir os tópicos abordados no curso:
1. Visão geral de princípios de teste de software.
2. A atividade de teste no contexto das normas ISO e modelo CMM.
3. Técnicas de teste, de acordo com as abordagens:
a. Estrutural;
b. Funcional;
c. Baseada em riscos.
4. Estratégias de teste.
5. Ferramentas de teste do mercado.
6. Como elaborar um plano de testes funcional.
7. Estudo do modelo TMM – Test Maturity Model
8. Exercícios práticos:
a. Elaboração de um processo de testes aderente ao nível 2 do TMM;
b. Aplicação do processo proposto em um estudo de caso;

Disciplina: INTRODUÇÃO À ANÁLISE ORIENTADA A OBJETOS
Carga Horária: 30 horas
Ementa: Esta disciplina visa Apresentar os principais conceitos de orientação a objetos Capacitar o aluno a desenvolver a análise de sistemas utilizando o paradigma orientado a objetos para posteriormente elaborar o seu projeto e implementá-lo em uma linguagem orientada a objetos.
A partir dos requisitos do sistema os modelos de análise são elaborados utilizando um método orientado a objetos. A seguir os tópicos abordados no curso:
1. O paradigma orientado a objetos
2. Conceitos básicos da orientação a objetos; desenvolvimento e programação;
3. Princípios das linguagens de programação orientada a objetos: classes, atributos, métodos, objetos;
4. Programação utilizando o recurso da herança; polimorfismo;
5. Programação com delegação; uso de delegação vs. herança;
6. Padrões e antipadrões de projeto, Padrões – GRASP, GOF;

Disciplina: MODELAGEM FUNCIONAL DE SISTEMAS COM UML
Carga Horária: 30 horas
Ementa: 1. Visão Geral da UML;
2. Estrutura da UML;
3. Modelagem Funcional utilizando UML;
4. Estudando os Diagramas:
a. Classes: atributos, operações e responsabilidades; Relacionamento de classes; Modelagem; Diagrama de classes; Diagrama de objetos;
b. Caso de uso: Atores e papéis; Eventos externos; Cenários; Casos de uso; Organização dos casos de uso; Diagrama de casos de uso;
c. Interações: contexto, objetos e papeis; Vínculos; Mensagens; Sequenciamento; Diagrama de seqüências; Diagrama de colaboração;
d. Estados: Tipos de eventos; Estados, transições e atividades; Diagrama de gráfico de estado;
e. Fluxo de trabalho: Estado de ação e de atividade; Ramificações; Bifurcações e uniões; Raias; Diagrama de atividades;
f. Arquitetura: Componentes; Interfaces; Pacotes; Nós e conexões; Diagrama de componentes; Diagrama de Implantação;

Disciplina: TECNOLOGIAS EM BANCOS DE DADOS
Carga Horária: 30 horas
Ementa: A disciplina explora aos sistemas de gerenciamento de banco de dados. Arquitetura de banco de dados. Modelos de dados. Linguagens de descrição e manipulação de dados. Descrição e exemplo de aplicação de modelo racional. Aspectos de implementação de sistemas de gerenciamento de banco de dados: processamento de consultas, processamento de transações, organização de arquivos e indexação.
Conteúdo da disciplina é abaixo apresentado:
1. Sistema de Gerência de Banco de Dados Multiusuário;
2. Gerenciamento de Transações;
3. Mecanismos de Controle de Concorrência;
4. Recuperação e Parada e Falhas;
5. Segurança e integridade de dados;
6. Tecnologias Avançadas de Bancos de Dados;
7. Banco de Dados na Internet;
8. Bancos de Dados Não Convencionais;
9. Bancos de Dados Distribuídos e Cliente/Servidor.

Informações complementares:
Duração do curso: 18 meses
Carga horária total: 360 horas
Dias e horários das aulas: segundas e quartas-feiras, das 19h às 23h.
Profº Responsável: Profº Mestre Rubens Sales
Outro curso relacionado com Pós-graduação de MBA - Master of Business Administration: