Home > Graduação > Farmácia > Jales > Graduação em Farmácia - Jales - São Paulo

Graduação em Farmácia

Solicite informação sem compromisso Unijales - Centro Universitário de Jales

Para enviar a solicitaçao você deve aceitar a Política de Privacidade

Análise do Educedu

Pablo Nieves

Pablo Nieves

Graduação em Farmácia

  • Modalidade
    As aulas são presenciais.
  • Duração
    A graduação em farmácia da Unijales tem duração de 5 anos.
  • Certificado Oficial
    A instituição emitirá um título de bacharel em farmácia.
  • Considerações
    Seguindo as Diretrizes Curriculares Nacionais o curso de farmácia da Unijales proporciona a formação de Farmacêuticos generalistas preparados e capacitados, preparados para atuar junto à comunidade de maneira crítica/reflexiva. A ideia é estimular a dimensão de agente transformador promovendo a melhoria da saúde via atitudes e procedimentos teórico-práticos na inserção da cidadania. A grade curricular conta com disciplinas teóricas e prácticas. Além disso, o aluno, em qualquer momento do curso, deverá aprender LIBRAS como matéria optativa.
  • Dirigido a
    Todos que desejem desenvolver atividades na área de farmácia.
  • Área de atuação
    Além de poder trabalhar para farmácias e laboratórios privados, o profissional poderá desenvolver pesquisas e projetos para instituições públicas.
Quer saber mais sobre este curso?
Solicitar informações

Comentários sobre Graduação em Farmácia - Presencial - Jales - São Paulo

  • Objectivos
    Geral

    Proporcionar seguindo as Diretrizes Curriculares Nacionais a formação de profissionais Farmacêuticos generalistas preparados e capacitados que possam atuar junto à comunidade de maneira crítica/reflexiva, numa dimensão de agente transformador promovendo a melhoria da saúde via atitudes e procedimentos teórico-práticos na inserção da cidadania.

    Específicos

    - Respeitar os princípios éticos inerentes ao exercício profissional, reconhecendo a saúde como direito e condições dignas de vida, atuando de forma a garantir a integralidade da assistência, entendida como conjunto articulado e contínuo das ações e serviços preventivos e curativos, individuais e coletivos, exigidos para cada caso em todos os níveis de complexidade do sistema.
    - Conhecer métodos e técnicas de investigação e elaboração de trabalhos acadêmicos e científicos, atuando na pesquisa, desenvolvimento, seleção, manipulação, produção, armazenamento e controle de qualidade de insumos, fármacos, sintéticos, recombinantes e naturais, medicamentos, cosméticos, saneantes e correlatos;
    - Exercer a farmacoepidemiologia;
    - Realizar, interpretar, emitir laudos e pareceres e responsabilizar-se tecnicamente por análises clínico-laboratoriais, incluindo os exames hematológicos, citológicos, cito patológicos e histoquímicos, biologia molecular, bem como análises toxicológicas, dentro dos padrões de qualidade e normas de segurança; realizando procedimentos relacionados à coleta de material para fins de análises de interações medicamento/medicamento e alimento/medicamento;
    - Exercer a dispensarão e administração de nutracêuticos e de alimentos de uso integral e parenteral, atuando no planejamento, administração e gestão de serviços farmacêuticos, incluindo registro, autorização de produção, distribuição e comercialização de medicamentos, cosméticos, saneantes, domissaneantes e correlatos;
    - Participar na formulação das políticas de medicamentos e de assistência farmacêutica, atuando na promoção e gerenciamento do uso correto e racional de medicamentos, em todos os níveis do sistema de saúde, tanto no âmbito do setor público como do privado;
    - Realizar, interpretar, avaliar, emitir laudos e pareceres e responsabilizar-se tecnicamente por análises de alimentos, de nutracêuticos, de alimentos de uso enteral e parenteral, suplementos alimentares, desde a obtenção das matérias primas até o consumo;
    - Realizar análises físico-químicas e microbiológicas de interesse para o saneamento do meio ambiente, incluídas as análises de água, ar e esgoto.
  • Conteúdo

    Histórico de criação do curso no país
    O curso de farmácia teve como precursor o curso de medicina, criado em 1088. No século XI, houve uma notabilização da profissão médica e abandono das funções manuais, como o preparo de medicamentos. Dessa forma, o preparo de medicamentos foi deixado aos boticários, que eram pessoas com alguma formação técnica em relação ao preparo de produtos. Em 1162, na França, foi decretada a lei que separa essas profissões, e em 1242, foi proibida a sociedade entre médicos e boticários.

    Em 1497, em Portugal, surgiu o Regimento dos Boticários com regimentos sobre a manipulação de medicamentos. Mas, o início de reconhecimento acadêmico e institucional da farmácia, ocorreu na Alemanha, somente em 1980 com histografia de textos sobre essa prática.
    A criação dos cursos de Farmácia no Brasil foi conseqüência da Lei n°. 520 de 03 de outubro de 1832, da Regência, em nome do Imperador D. Pedro II, e a primeira escola para ensino da Farmácia foi criada em 1839 na cidade de Ouro Preto em Minas Gerais.
    O exercício da profissão farmacêutica foi regulamentado em 1931, pelo Decreto n. 20.377 durante o governo de Getúlio Vargas, através desse decreto as ações relacionadas à farmácia poderão apenas ser realizadas pelo profissional farmacêutico diplomado em instituição de ensino oficial ou com diploma registrado no Departamento Nacional de Saúde Pública.
    Para zelar pela ética e da disciplina da classe dos que exercem atividades profissionais farmacêuticas no Brasil, em 1960, pela Lei nº 3820 foi criado o Conselho Federal de Farmácia (CFF) e Conselhos Regionais de Farmácia (CRF), com personalidade jurídica de direito público, autonomia administrativa, financeira.

    Pela Resolução Conselho Federal de Educação (CFE) nº 4/69 o curso de farmácia formava profissionais em três habilitações: farmacêutico, farmacêutico industrial e farmacêutico bioquímico. Mas, em 19 de fevereiro de 2002, o Conselho Nacional de Saúde (CNS) estabeleceu as Novas Diretrizes Curriculares para o curso de farmácia, tendo a nova formação generalista, onde o profissional farmacêutico poderá atuar em todos os níveis de atenção à saúde, e poderá exercer atividades referentes aos fármacos e aos medicamentos, às análises clínicas e toxicológicas e ao controle, produção e análise de alimentos.

    Com a mudança na grade curricular, a comissão da CES/CNE recomenda a carga horária mínima de 4.000 horas para o curso de graduação em Farmácia. E conforme as novas diretrizes os conteúdos curriculares do curso de farmácia deverão relacionar com o processo saúde-doença do cidadão, da família e da comunidade, integrado à realidade epidemiológica e profissional.
    As novas diretrizes foram implantadas em 2003 a todo o Brasil, e o farmacêutico formado partir de 2004, poderá atuar nas áreas de drogarias, farmácias, farmácia, hospitalar, indústrias de alimentos, cosméticos, correlatos e medicamentos, laboratórios de análises clínicas, laboratórios de análises toxicológicas, saúde pública, dentre outras.

    Disciplinas

    1º ANO
    Sociologia e Antropologia
    Histologia e Embriologia
    Anatomia Humana
    Elementos de Matemática
    Química Geral
    Física Aplicada a Ciências Farmacêuticas
    Farmacobotânica
    Introdução a Ciências Farmacêuticas
    Saúde Coletiva e Bioestatística
    Genética e Citologia

    2º ANO
    Química Orgânica
    Físico-Química
    Fisiologia Humana
    Bioquímica e Biologia Molecular
    Farmacognosia
    Parasitologia
    Microbiologia
    Farmacocinética e Noções de Administração de Medicamentos

    3º ANO
    Farmacodinâmica
    Química Farmacêutica e medicinal
    Imunologia
    Patologia
    Química Analítica e Experimental
    Alimentos e Nutrição Humana
    Economia e Administração Aplicada às Ciências Farmacêuticas
    Deontologia e Legislação Farmacêutica
    Estágio Supervisionado em Atividades Farmacêuticas

    4º ANO
    Metodologia Científica
    Farmácia Hospitalar
    Homeopatia
    Farmacotécnica e Tecnologia Farmacêutica
    Controle de qualidade
    Toxicologia Geral
    Atenção Farmacêutica
    Métodos Imunológicos e Parasitológicos
    Cosmetologia
    Estágio Supervisionado em Farmácia Magistral e Homeopática

    5º ANO
    Bioquímica Clinica
    Enzimologia Industrial e Tecnologia das Fermentações
    Bromatologia e Tecnologia dos Alimentos
    Microbiologia Clinica
    Citologia Clinica
    Hematologia Clínica
    Farmacologia Clínica
    Estágio Supervisionado em Análises Clínicas
    Atividades Complementares
    Trabalho de Conclusão de Curso

    *Além disso, atendendo ao disposto no Decreto nº 5626 de 2005, o curso oferece, como disciplina optativa e complementar da formação curricular do bacharel em farmácia, a disciplina de Libras (Linguagem Brasileira de Sinais), com carga horária total de 40h a ser disponibilizada em horário específico e podendo ser cursada pelos alunos em qualquer momento de sua formação. Fica convencionado que o aluno que optar por cursar e cumprir todas as exigências normais da disciplina optativa de Libras, ele terá incluído em seu Diploma de Conclusão do Curso, o destaque relativo a esta formação complementar.



Últimas visitas ao curso

Solicitar informação à Instituição

"Sou graduada em Biomedicina desde 2008 pela FEF de Fernandópolis! Gostaria de mandar minha grade para vocês analisarem e me informarem quantas matérias poderei eliminar. Como faço isso?"

Franciely para Graduação em Farmácia

São Paulo

Outro curso relacionado com Farmácia

Utilizamos cookies para melhorar nossos serviços.
Se continuar navegando, aceita o seu uso.
Ver mais  |