Home>Pós-graduação>Arte>Caxias do Sul>Especialização em Corpo e Cultura - Caxias do Sul - Rio Grande do Sul
 

Especialização em Corpo e Cultura

Método: Presencial
Locais Disponíveis:
Loading...

Solicite informação sem compromisso
UCS - Universidade de Caxias do Sul

Especialização em Corpo e Cultura - Caxias do Sul - Rio Grande do Sul

Nome
Sobrenome
E-mail
Telefone de Contato
DDD Ex: 14
 
 
 
 
Teléfono Fijo Ej: 24344444
 
 
 
 
Estado
Cidade
CPF
Para enviar a solicitaçao, você deve aceitar a política de privacidade
* Campos obrigatórios

Em breve um responsável da UCS - Universidade de Caxias do Sul, entrará em contato contigo para mais informações.
Por favor, preencha todos os campos corretamente
Especialização em Corpo e Cultura - Caxias do Sul - Rio Grande do Sul Comentários sobre Especialização em Corpo e Cultura - Caxias do Sul - Rio Grande do Sul
Objetivos:
Qualificar a atuação de profissionais e educadores das áreas de artes, educação física e de segmentos afins, através de conhecimentos específicos da área e desenvolvimento de habilidades específicas para o alargamento criativo e inovador dos processos pedagógicos e da criação e construção da produção artística gerada a partir de práticas corporais.
Estágio:
Não
Dirigido a:
Profissionais com curso superior nas áreas de Educação Física, Educação Artística, Dança, Artes Cênicas, Moda e Estilo, Arquitetura e áreas afins, bem como professores portadores de diploma de curso superior que atuam nas referidas áreas.
Diploma:
Especialista em Corpo e Cultura: Ensino
Conteúdo:

Disciplinas e Ementas

MÓDULO A - Seminários 


 Seminário 1: Corpo e Filosofia (45 horas-aula)

 Aspectos Históricos e Filosóficos do Corpo Humano (15 horas-aula)
Ementa: Análises e reflexões sobre a compreensão do corpo na antiguidade grega e na contemporaneidade. As relações entre corpo e alma para os órficos, pitagóricos, Platão, Aristóteles, estóicos, epicureos, a medicina grega. As relações entre corpo e mente para Descartes, Kant e Popper. Descrições fenomenológicas de M. Merleau-Ponty e as análises epistemológicas e culturalistas de M. Foucault.

 Artes do Corpo: Tendências Estéticas na Contemporaneidade (15 horas-aula)
Ementa: Teoria Co-evolutiva de Richard Dawkins como parâmetro de identificação e compreensão da dança Contemporânea, a partir de 3 idéias complementares:
 a dança expressa sínteses transitórias do relacionamento entre o corpo e o seu contexto de existência;
 o corpo expressa sínteses transitórias do relacionamento entre suas informações biológicas e culturais;
 e o contexto expressa sínteses transitórias do relacionamento entre corpo, dança e tudo mais que existe.

 Por uma Teoria Crítica do Corpo (15 horas-aula)
Ementa: Teoria Corpomídia como uma teoria crítica sobre as conseqüências políticas de seu uso. Para tal, o conteúdo se estruturará em três eixos temáticos: a construção de corpos dóceis; o corpo no novo capitalismo; o corpo das novas formas de organização social.

 Seminário 2: O Corpo e suas Relações com a Contemporaneidade (60 horas-aula)

 Corpo e Cultura no Século XX (15 horas-aula)
Ementa: A reabilitação do corpo no entre-guerras e no decorrer do século XX. A indústria cultural e a exacerbação do corpo. O corpo saúde; o corpo que dança; o corpo que malha; o corpo em harmonia; o corpo que pode mais; o corpo narciso; o corpo biocibernático.

 Corpo e Tecnologia (15 horas-aula)
Ementa: Cibercultura: comportamento e experiência na era das conexões
1. Cibercultura e contexto da arte na era das conexões ao ciberespaço.
Teorias e conceitos sobre cibercultura e alterações nas formas de vida pela interfaces relações humano-computador. Interatividade, tipos de interface: feedback e biofeedback, imersão, conectividade planetária, telepresença, ambientes de multiusuário, ambientes com autonomia e com tecnologias móveis. Base teórica com autores internacionais e brasileiros: Derrick De Kerckhove, Edmond Couchot, Pierre Lévy, Howard Reinghold, Peter Weibel, Roy Ascott, Andre Lemos, Arlindo Machado, Diana Domingues, Lucia Santaella.
2. Software art comportamento e experiência.
Comportamento e experiência: co-existência no espaço físico e no espaço digital Análise de práticas artísticas que investem nas qualidades estéticas, determinando modos de percepção, acionando a carga subjetiva das interações, bem como interfaces que se constituem em interfaces sociais. Teoria fundamental sobre a geração de softwares especulativos em software arte. O artista-engenheiro e a concepção do aparato tecnológico e seu uso para a fabricação de sentidos sintéticos e intervenções sociais.
2.1. O design de interface: os modos de usar computadores e interfaces. Percepção como fenômeno de laboratório: próteses sensórias e enações do corpo com o ambiente. 2.1.1. Design de interface e processos de comunicação com sistemas interativos: conectividade e condição seamless, conectividade e imersão. Ambientes de ciberinstalações e primeira interatividade realidade virtual, incluindo Caves e interfaces multissensoriais.
Concepção do design de interface para o sistema de feedback
2.1.2 Design de interface para conectividade e nomadismo na rede, telepresença e telerrobótica. Comunidades virtuais e teleimersão em cibermundos
2.1.3. Design de interface e processos de comunicação com sistemas inteligentes e com autonomia por respostas de segunda interatividade.
2.1.4. Design de interface e processos de comunicação com tecnologias da mobilidade. Interfaces pervasivas e sencientes: plataformas sociais abertas à colaboração e reciprocidade em espaços híbridos.

 Novas Linguagens: Vídeodança/ Repertório Contemporâneo (15 horas-aula)
Ementa: Estudo das relações entre a dança e o audiovisual a partir da exibição e análise de obras de vídeo-dança e cine-dança nacionais e internacionais.

 Políticas Culturais: Reflexões e Instrumentos para o Desenvolvimento das Artes Corporais
Ementa: O papel da arte na sociedade. O papel do Estado no desenvolvimento. A realidade do Estado Brasileiro. Os principais instrumentos das políticas públicas municipais, estaduais e federais. Estratégias de formatação de projetos, captação de recursos, organização coletiva e formação de redes relacionadas às políticas públicas.

MÓDULO B - Disciplinas (135 horas-aula) 


 Anatomia Funcional (15 horas-aula)
Ementa: O movimento humano sob o ponto de vista anatomofuncional. Identificação das articulações envolvidas. As ações articulares observadas. Estrutura e função músculo-articular. Os músculos motores primários. Os tipos de contração. Análise do movimento humano.

 Metodologia da Pesquisa Aplicada à Educação Corporal (30 horas-aula)
Ementa: Características atuais da pesquisa em Educação Corporal. Noções fundamentais sobre o planejamento e execução da pesquisa. Aplicações de métodos e técnicas de pesquisa. Verificação do processo de elaboração, análise e interpretação de dados. Apresentação de relatórios e trabalhos científicos. Preparação do projeto de monografia.

 Educação Corporal nas Escolas de 1º e 2º Graus – Metodologia de Ensino (30 horas-aula)
Ementa: Princípios e fundamentos do "alfabeto" de Rudolf Laban e suas aplicações nos processos cognitivo e criativo do corpo. O corpo como processo de comunicação de idéias, de expressões e entre linguagens artísticas. Experimentação prática/teórica de princípios gerais da linguagem do movimento do corpo como totalidade física, emocional e intelectual e suas implicações na interação com o ambiente escolar, familiar e social. O papel a ser desempenhado pela Dança na Escola como área de conhecimento. A movimentação do corpo como fundamento do ensino-aprendizagem na educação escolar.

 Corpo e Representação: Linguagem Teatral para Crianças e Adolescentes (30 horas-aula)
Ementa: Princípios de conhecimento da ação física e sua relação com os procedimentos lúdicos e cênicos. Exercícios e vivências de jogos dramáticos e jogos teatrais.

 Técnica de Consciência Corporal (30 horas-aula)
Ementa: A formação pessoal do adulto: uma abordagem pela via corporal; o por que pela via corporal. A dança como estratégia de exteriorização corporal. O ritmo métrico e espontâneo. Emoções e sentimentos despertados a partir da música e da exteriorização corporal. A dança e as endorfinas. Exercícios e vivências corporais de representações gráficas da simbologia do corpo; de técnicas com ritmos métricos e espontâneos; de técnicas de expressão corporal com ritmos variados (Kundalini, Nataraj, Dinamic); da técnica do Psicodrama com elementos rítmicos. Experiências de jogos rítmicos de expressão corporal sem auxílio da visão; de expressão, comunicação e ajuste corporal sem e com objetos; de contato corporal com o outro; de representação corporal utilizando disfarces; de jogos dramáticos e de terapia corporal por meio da dança individual, em duplas e em pequenos grupos.

MÓDULO C - Disciplinas (165 horas-aula) 


 Processos de Criação (15 horas-aula)
Ementa: Paralelos entre diversas epistemologias e metodologias da pesquisa interdisciplinar Arte/Corpo. Aspectos da racionalidade e da irracionalidade do processo criativo. Corpo-mídia – o corpo como objeto da comunicação em seus diferentes enfoques e modelos pelo viés da Comunicação. Processos de significação nos corpos, com os corpos e entre os corpos como padrões universais de garantia de sobrevivência.

 Linguagem da Encenação (60 horas-aula)
Ementa: Estudos sobre a estrutura da cena contemporânea para análise e discussão sobre a função e construção da direção cênica e da dramaturgia no contexto cênico atual. Estudos dos principais elementos cênicos: atuação, ação, ação dramática, dramaturgia da cena, dramaturgia do ator, concepção do espetáculo, direção. Parte prática baseada na experimentação de métodos de composição cênica em relação aos estudos teóricos feitos sobre dramaturgia e direção cênica. Composição da cena com base em jogos, texto e movimento.

 Técnica Teatral (30 horas-aula)
Ementa: Estudo dos fundamentos da interpretação, improvisação e encenação teatral a partir de exercícios e jogos que propiciem um aprendizado do corpo enquanto veículo da criação artística. Síntese da evolução histórica do teatro desde sua formação até o teatro contemporâneo. Antecedentes históricos para o ator moderno e o nascimento da figura do diretor/encenador. Prática teatral estabelecendo as possíveis articulações entre a formação artística, técnica e intuição e a relação com as principais correntes de atuação e as teorias que as justificam.

 Composição Coreográfica (60 horas-aula)
Ementa: Estudos sobre a estrutura da construção coreográfica da dança contemporânea para análise e discussão sobre a função do coreógrafo, do bailarino e do criador-intérprete no contexto cênico atual. Características dos elementos: concepção, dramaturgia, desempenho, performance e espetáculo. Experimentação prática de criação cênica relacionada aos estudos teóricos feitos sobre construção coreográfica contemporânea, com base no vocabulário de movimento próprio do coreógrafo e de técnicas de investigação e de improvisação. Demonstração pública da obra gerada.

MÓDULO D - Monografia 


 Trabalho prático-teórico, a partir de temas pertinentes às disciplinas do curso. Os docentes para a orientação serão determinados a partir dos temas escolhidos pelo acadêmico.


Últimas visitas ao curso

Outro curso relacionado com Pós-graduação de Arte: