Home>Pós-graduação>Gestão Pública>Taubaté>Pós-graduação em Administração Pública - Taubaté - São Paulo
 

Pós-graduação em Administração Pública

Método: Presencial
Locais Disponíveis:
Opiniões:
Opiniões (1)
Loading...

Solicite informação sem compromisso
UNITAU Universidade de Taubaté

Pós-graduação em Administração Pública - Taubaté - São Paulo

Nome
Sobrenome
E-mail
Telefone de Contato
DDD Ex: 14
 
 
 
 
Teléfono Fijo Ej: 24344444
 
 
 
 
Estado
Cidade
CPF
Para enviar a solicitaçao, você deve aceitar a política de privacidade
* Campos obrigatórios

Em breve um responsável da UNITAU Universidade de Taubaté, entrará em contato contigo para mais informações.
Por favor, preencha todos os campos corretamente

Análise da Educaedu

Pablo Nieves
Pós-graduação em Administração Pública
  • Modalidade

    Esta pós-graduação tem a modalidade presencial.

  • Certificado Oficial

    Especialista em Administração Pública

  • Considerações

    A área de administração pública é muito importante para o sucesso dos objetivos de um governo, pois é gerenciando de maneira correta todas as tarefas da esfera pública que se alcançam bons resultados. Uma proposta interessante para aqueles que desejam se aprofundar nessa área é o curso de Pós-graduação em Administração Pública, a qual é realizada pela UNITAU - Universidade de Taubaté. Neste curso, o profissional terá contato principalmente com temas como políticas públicas e quais são os principais e melhores métodos para gerenciá-las, além de aprender mais sobre saúde pública e participação comunitária na política pública.

  • Dirigido a

    Destinado a graduados em Administração e Economia.

  • Área de atuação

    O profissional poderá ocupar cargos em instituições como Ministério do Desenvolvimento e Senado Federal.

  • Salário estimado

    Salário ao redor de 8 mil reais.

Pós-graduação em Administração Pública - Taubaté - São Paulo Comentários sobre Pós-graduação em Administração Pública - Taubaté - São Paulo
Dirigido a:
Políticos, Empresários, executivos e profissionais de nível superior que pretendam se especializar e/ou atualizar em administração pública, conforme os objetivos expostos. Também se aplicam a profissionais de diversas áreas, não-especialistas, que terão a oportunidade de participar, questionar e compreender os pontos críticos do Governo e da prestação de serviços públicos no atual contexto da economia brasileira e mundial.
Diploma:
Especialista em Administração Pública
Conteúdo:

Teoria Geral do Estado, Governo e Administração Pública:

Desenvolver o conceito de Estado, Governo e Administração pública;
Estudar o novo pacto federativo e o papel do Estado, as funções e papéis do Estado e a estrutura governamental;
Estudar o sistema de gestão governamental, competências, relações intergovernamentais;
Discutir a reforma do Estado, a reforma administrativa e as estratégias de reformas.


Economia do Setor Público:

Desenvolver o conceito de Economia do Setor Público;
Estudar a evolução das funções de Governo e crescimento do setor público;
Estudar a classificação e estrutura das despesas públicas e os bens públicos;
Estudar o financiamento e custos dos gastos públicos, o déficit e a dívida pública e as relações com a política fiscal;
Introdução do conceito de federalismo fiscal e de Orçamento.


Gestão de Recursos Humanos:

Rever as funções tradicionais da área de Administração de Recursos Humanos à luz das novas tendências da Administração Pública;
Prover os participantes dos conhecimentos necessários à criação e liderança de equipes eficazes em um ambiente de mudanças;
Desenvolver o planejamento e técnicas de gerenciamento de RH com foco em resultados.

 Gestão da Qualidade em Serviços:

Desenvolver as estratégias de gestão da qualidade em serviços e da aplicação das novas técnicas empresariais, com finalidade de melhoria contínua em cada nível de operação e em cada área funcional de uma organização pública;
Introduzir as técnicas de otimização de recursos financeiros, materiais e humanos disponíveis, bem como fundamentar o foco da qualidade no atendimento do cliente, principalmente na prestação de serviços públicos e nas Organizações Sociais sob fiscalização do Estado.


 Marketing de Serviços e de Relacionamento:

Estudar o embasamento conceitual básico sobre a estrutura, as atividades e o ambiente de marketing de serviços e de relacionamento com o cliente do setor público;
Introduzir e desenvolver uma aptidão capaz de fomentar a cultura de melhor atendimento do cliente dos serviços públicos sob responsabilidade e fiscalização do Estado.


 Finanças Públicas:

Estudo de finanças aplicadas à Administração Pública Direta e Indireta;
O Orçamento Público, seu planejamento, classificação, elaboração e acompanhamento de acordo com a Lei 4.320/64;
A Responsabilidade Fiscal como instrumento de controle para melhor Administração das contas Públicas de acordo com a Lei 101/00;
As Licitações Públicas, aplicação, modalidades, dispensa e inexigibilidade de acordo com a Lei 8.666/93 e suas alterações.


 Contabilidade Pública:

Estudo e Contabilização de operações aplicadas à Administração Pública Direta e Indireta, segundo critérios estabelecidos pela Lei 4.320/64;
Contabilização de movimentos registrados nos sistemas orçamentário, financeiro, patrimonial e de compensação;
Contabilização das Variações Patrimoniais;
Levantamento de Balancetes;
Levantamento e análise dos Balanços Orçamentário, Financeiro, Patrimonial e das Demonstrações das Variações Patrimoniais.


 Gestão Estratégica de Serviços:

Estudar a estratégia da prestação de serviços por parte do Estado e suas concessionárias aos diversos segmentos da economia;
Identificar o perfil do gerente de atividades de serviços, suas características, funções e atributos. Compreender o processo de formação de equipes.


 Elaboração e Análise de Projetos Públicos:

Estudar os conceitos operacionalizáveis da teoria de projetos, cobrindo todo o ciclo de um projeto com enfoque nos projetos públicos e sociais;
Estudo da racionalidade econômico - social dos projetos públicos: as óticas privada e pública;
Estudo da avaliação social de projetos com a formulação da função-objetivo e mensuração de benefícios/custos como indicadora de sucesso de um projeto;
Desenvolver uma avaliação quantitativa geral de projetos utilizada na mensuração da eficácia de um projeto.


 Processo Decisório e Tecnologia da Informação:

Análise do relacionamento dos sistemas de informações gerenciais, com ênfase na utilização dos recursos de informática, para atender à missão da prestação de serviços e gestão pública;
Introdução do Processo decisório e das variáveis que influenciam a tomada de decisão no setor público: o papel do decisor e o uso da tecnologia da informação como suporte às decisões.


 Didática e Metodologia do Ensino Superior I:

Reconhecer a importância que a abordagem científica tem para o desenvolvimento do conhecimento;
Aplicar as normas para preparação e apresentação de trabalhos científicos;
Planejar apresentações orais e/ou escritas em público.

Didática e Metodologia do Ensino Superior II:

Reconhecer a utilidade dos conceitos pedagógicos na sua prática profissional;
Caracterizar os componentes essenciais de um plano de ensino, transpondo-os para situações de sua área de atuação;
Identificar os fatores que favorecem e os que bloqueiam as atividades de um grupo;
Planejar apresentações orais e/ou escritas relativas a sua área de atuação.


Trabalho de Conclusão de Curso:

Trabalho a ser elaborado pelo pós-graduando com tema referente aos objetivos do curso. O Trabalho será avaliado por uma banca examinadora composta conforme normas da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-graduação.

Instituto Educere

O Instituto Educere, parceiro da Unitau, visando ao desenvolvimento do profissional do Vale do Paraíba, oferecerá 303 bolsas parciais de estudos, conforme descrito na tabela abaixo.

Percentual da bolsa* - Número de bolsas
  • 85% - 1 Bolsa
  • 70% - 1 Bolsa
  • 50% - 1 Bolsa
  • 30% - 300 bolsas
* O percentual da bolsa de estudos será aplicado sobre o valor mensal do curso, de R$ 303,00 (trezentos e três reais), não cumulativo com outros descontos.

As bolsas de 85%, 70% e 50% serão concedidas aos 3 primeiros classificados no processo seletivo, de acordo com a nota obtida na prova de redação descrita no item 4.4. As 300 bolsas de 30% serão concedidas aos 300 primeiros inscritos que forem aprovados no processo seletivo.

Nos casos de empates serão utilizados os seguintes critérios para desempate:
  1. Data de inscrição no processo seletivo, ficando mais bem classificado quem aquele que tiver efetuado a inscrição antes dos demais;
  2. Permanecendo o empate, será utilizada a idade, ficando mais bem classificado o candidato mais velho;
  3. Permanecendo o empate, será realizado sorteio.
Só concorrerão às bolsas de estudos os candidatos que participarem do processo seletivo dos dias 13, 14 ou 15 de dezembro de 2012, por meio da realização da prova de redação.

Opiniões (1)

Professores:
Atendimento ao aluno:
Programa de Ensino:
Material:
  • Totalmente satisfeito com a minha escolha, pois tudo correu do jeito que esperava.

    Professores
    Atendimento ao aluno
    Programa de Ensino
    Material
    Instalações

    Professores

    Atendimento ao aluno

    Programa de Ensino

    Material

    Instalações

    Por Alan Cristian sobre Pós-graduação em Administração Pública - Agosto 2011

Últimas visitas ao curso

Outro curso relacionado com Pós-graduação de Gestão Pública: